Destaques

Vereador é preso após derrubar bebê no chão e agredir esposa com chineladas

0

O vereador de Fátima do Sul, Diego Cândido Batista (PSD), o Diego Carcará, foi preso em flagrante após derrubar o filho no chão e agredir a esposa e a enteada a “chineladas”, na noite de domingo (23), em Fátima do Sul (MS) – a 235 quilômetros de Campo Grande.

De acordo com o registro da ocorrência, a Polícia Militar foi acionada por volta das 21h30 para ir à residência do casal. A vítima contou que o marido tinha voltado de uma viagem, quando os dois tiveram uma discussão.

Segundo ela, o casal e os 4 filhos passaram o domingo com familiares, e Diego teria consumido bebida alcoólica durante todo o dia. Ao chegar em casa, o vereador deixou o filho bebê cair no chão, o que motivou o início da briga.

Em depoimento, a mulher relatou que pediu para que a filha, de 12 anos, enteada do vereador, pegasse a criança e tentasse acalmá-la em outro cômodo da casa, mas o parlamentar foi atrás da adolescente e pegou novamente a criança.

A mulher afirma que o vereador só largou o filho no momento em que partiu para cima da enteada e a atingiu com uma chinelada no ombro. Ao tentar defender a filha, a mulher também foi agredida com chineladas no rosto.

Diante das agressões, a vítima acionou a Polícia Militar. O vereador afirma que a esposa “partiu para cima” e ele tentou se defender.

A titular da Delegacia de Atendimento à Mulher de Fátima do Sul, Glaucea Valério, disse que Diego Cândido foi preso por lesão corporal e ficou em silêncio durante o depoimento. O vereador passou por audiência de custódia na tarde de segunda-feira (24) e será encaminhado para o presídio de Dourados (MS).

“Ele foi preso em flagrante e foi autuado por lesão corporal. Essa foi a primeira denúncia que a esposa realizou, ela acionou a polícia após diversas agressões. O suspeito passou por uma audiência de custódia e a prisão foi convertida para preventiva, com isso ele segue preso e será encaminhado para o prédio”, disse.

Edvaldo

#CasaDaCidadania: “Este é um espaço de defesa dos interesses dos cidadãos”

Previous article

Filha de Olavo de Carvalho: “Não é porque morreu que virou santo”

Next article

Veja também

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

More in Destaques