NotíciasPolêmica

Implante de microchip contra covid levanta especulações sobre “marca da besta”

0

Suecos estão implantando um microchip de passaporte COVID-19 sob a pele no braço ou na mão, levando a especulações entre cristãos de que isso poderia ser o cumprimento de uma profecia bíblica sobre a marca da besta.

Um vídeo circulando no Twitter mostra pessoas na Suécia com um microchip de passaporte COVID-19 implantado sob sua pele. O vídeo recebeu mais de 2,4 milhões de visualizações.

A tecnologia em questão pertence à empresa Epicenter, com sede em Estocolmo, que está fornecendo um microchip do tamanho de um grão de arroz que pode ser implantado como um passaporte COVID-19.

O chip também pode ser usado para armazenar outros dados, todos os quais podem ser acessados por um dispositivo, como um smartphone, que usa o protocolo de comunicação de campo próximo.

“Os implantes são uma tecnologia muito versátil que pode ser usada para muitas coisas diferentes. No momento, é muito conveniente ter passaportes COVID sempre acessíveis em seu implante”, diz o diretor de disrupção da empresa, Hannes Sjoblad, no vídeo.

Em 1º de dezembro, o governo sueco anunciou que um passaporte de vacinação será obrigatório para participar de qualquer evento presencial com mais de 100 pessoas.

Segundo Moa Petersen, que pesquisa culturas digitais, cerca de 6.000 pessoas na Suécia tiveram um chip inserido em suas mãos. Não se sabe quantos deles o implantaram principalmente como passaporte COVID-19, já que a tecnologia começou a ser usada no país em 2014.

De acordo com The Christian Post, muitos internautas  responderam a publicação escrevendo “666” e “a Marca da Besta”, referindo-se às profecias do apóstolo João em Apocalipse 13:15-17.

Gospel Prime

Edvaldo

Pesquisa Ipespe: Lula tem 44%, Jair Bolsonaro, 24% e Sergio Moro, 9%

Previous article

Sumé é beneficiada com passagens molhadas do Projeto Cooperar

Next article

Veja também

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

More in Notícias