Destaques

Feministas tomam pílulas de aborto fora da Suprema Corte para matar seus bebês

0

Na quarta-feira, enquanto os juízes consideravam um grande caso de aborto que poderia derrubar Roe v. Wade e permitir que os estados novamente protejam bebês não nascidos do aborto, um grupo de ativistas mulheres tomaram pílulas do aborto fora da Suprema Corte dos Estados Unidos.

As ativistas do aborto tomaram as pílulas abortivas em frente a uma faixa onde estava escrito “Vamos tomar pílulas do aborto para sempre”, elas também trouxeram diversas caixas com o rótulo “pílulas de aborto”.

Um vídeo mostra Amelia Bonow, fundadora do Shout Your Abortion, juntamente com o grupo gritando: “Pílulas de aborto para sempre!”  enquanto ela e algumas outras mulheres seguravam pílulas mãos, sendo aplaudidas após engolir as pílulas.

Estudos recentes encontraram enormes aumentos nas visitas a emergências nos EUA e no Reino Unido depois que mulheres tomaram drogas abortivas, que são perigosas para mulheres, bem como para seus bebês que ainda não nasceram.

De acordo com Life News, a lei do Mississipi em questão proibiria o aborto após 15 semanas de gravidez, um ponto em que a maioria dos americanos concorda que bebês não nascidos devem ser protegidos pela lei.

“O direito constitucional ao aborto enfrenta uma ameaça aterrorizante e sem precedentes. Este momento de crise é o ápice dos esforços de décadas do movimento anti-escolha para minar a vontade da esmagadora maioria das pessoas neste país que apoiam o direito legal ao aborto”, disse o presidente do NARAL, Mini Timmaraju, em comunicado.

Edvaldo

Um homem de sucesso: Empresário Cícero Roberto faz balanço sobre 2021

Previous article

Para comprar outra moto: Entregador de lanches que teve moto furtada pede ajuda nas redes sociais

Next article

Veja também

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Destaques