Destaques

Edna Henrique revela indiferença de Pedro e de Cássio

0

Definitivamente, o “ninho tucano está pegando fogo na Paraíba”. Às vésperas do PSDB anunciar a candidatura do deputado federal Pedro Cunha Lima, ao governo do Estado, nas eleições de 2022, a deputada federal Edna Henrique, garantiu que não foi convidada para nenhuma reunião tucana para tratar da sucessão estadual, nem sobre o posicionamento do partido em relação à disputa pelo Governo da Paraíba.

Visivelmente chateada, ela reclamou que não foi chamada para falar sobre a escolha do nome de Romero Rodrigues, que até o momento não se decidiu, para disputar o governo do Estado nas eleições do próximo ano e muito menos foi consultada sobre a possibilidade de Pedro Cunha Lima, assumir a disputa eleitoral.

“Ainda não fui convidada, nem convocada para nenhuma reunião, nem as que já aconteceram em relação à permanência ou não de Romero como candidato. Então, eu acredito que muitas águas vão rolar até porque a política é muito dinâmica”, disse”, afirmou.

O PSDB cogita lançar o deputado Pedro Cunha Lima na disputa pelo Palácio da Redenção caso venha a se concretizar a desistência do ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, em participar do pleito.

A deputada revelou que pretende conversar pessoalmente com o presidente estadual do PSDB, o deputado Pedro Cunha Lima, e com o ex-senador Cássio Cunha Lima, para obter informações sobre o futuro do partido. Só depois, ela pretende se posicionar sobre o assunto.

“Eu preciso ver, conversar com Pedro, pois até hoje nem ele, nem o ex-senador Cássio Cunha Lima não nos procurou, não nos convidou, então não posso falar nada em relação a Pedro. Quando conversar com ele, poderei me manifestar abertamente”, acrescentou.

Edna Henrique confirmou que não vai ser candidata à reeleição para a Câmara dos Deputados em 2022, mas não vai deixar a vida pública, por isso continua participando das discussões partidárias e eleitorais. No próximo ano, ela pretende apoiar o filho, Michel Henrique, para uma vaga na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB).

PB Agora

Edvaldo

Caseiro mata esposa grávida, enteada e fazendeiro em GO

Previous article

Após PL filiar Bolsonaro, Thammy Miranda anuncia saída do partido

Next article

Veja também

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Destaques