DESTAQUESNotícias

Polícia Federal faz nova fase de operação contra crimes previdenciários

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta quarta-feira (19), a segunda fase da Operação Capim Fértil, que investiga crimes previdenciários no interior da Paraíba. Mandados de busca e apreensão foram cumpridos no município de Capim, a 41 km de João Pessoa.

O indício de fraude foi constatado a partir de denúncia anônima. O informante alegava que um fazendeiro cobrava dinheiro para emitir declarações falsas para pessoas que nunca trabalharam em suas terras. Com os documentos, essas pessoas conseguiam, de forma fraudulenta, benefícios previdenciários, conforme revelou a primeira fase da operação, que aconteceu no dia 9 de julho.

Nesta segunda fase da Capim Fértil, a Polícia Federal identificou uma das autoras intelectuais e documentais do crime, que articulava a parte formal do delito. Segundo a Polícia Federal, com base em dados cedidos pela Secretaria da Previdência, o esquema resultou em um rombo de aproximadamente R$ 5 milhões aos cofres públicos.

Polícia Federal divulgou que o esquema já é tipificado como estelionato qualificado, mas ainda há possibilidade de outros crimes serem apurados com o decorrer da investigação. Participaram da operação policiais federais e servidores da Força Tarefa da Secretaria da Previdência, do Ministério da Economia.

“As investigações permanecem e, a partir desse desdobramento, os materiais apreendidos serão analisados e confrontados para identificar eventuais participantes e sua posterior responsabilização”, informou a Polícia Federal.

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: