DESTAQUESNotíciasUncategorized

Grupo Escolar Miguel Santa Cruz: 83 anos, “A escola que resistiu ao tempo” conheça sua história e uma entrevista exclusiva com a professora Dezirê.

A Escola Miguel Santa Cruz foi construída na década de 30, sob a responsabilidade mestre de obra Manoel Chaves, e inaugurada no dia 15 de fevereiro de 1936, tendo como primeiro diretor, o professor Severino Rocha, na gestão municipal do Sr. Sizenando Rafael, no governo estadual de Dr. Argemiro de Figueredo.

Foi batizada com o nome de Grupo Escolar Dr. Miguel Santa Cruz, em homenagem ao grande monteirense, Dr. Miguel Santa Cruz , que doou o terreno para que se construísse uma escola. Foi o deputado providencial da República, no período 1892 a 1895. Homem culto, inteligente e de posições moderadas. Elegeu-se deputado para a quinta legislatura de 1904 a 1907. Pela sua formação, exerceu atividades jurídicas e foi também lente de História do Brasil no Liceu Paraibano.

Até o ano de 1984 a escola tinha apenas o curso primário. A partir do ano de 1985, passou a funcionar com 1º grau completo ( do pré a 8ª série). De Grupo Escolar recebeu o nome de Escola Estadual de 1º Grau Miguel Santa Cruz. Depois passou a se chamar de Escola de Educação Infantil e Ensino Fundamental Miguel Santa Cruz. Hoje, depois da saída da Educação Infantil para o município, adotou o nome simplificado de Escola Estadual de Ensino Fundamental Miguel Santa Cruz.

Seu decreto de criação só foi registrado no ano de 1981, sob o nº 8963, de 12/03/81 – do dia 13 de março de 1981.

A Escola Miguel Santa Cruz foi a primeira escola pública do município , destaca-se das demais por seu valor histórico e por sua beleza arquitetônica. É considerada como patrimônio histórico, cartão postal, ponto de referência de nossa cidade.

A competência dos diretores que por ela passaram, faz dessa escola uma tradição em excelência  no ensino aprendizagem. Registramos os nomes dos primeiros diretores que se destacaram: Prof. Severino Rocha, prof. Maqueburbo Carneiro, Profª Eunice Lins, Profª Olga Lustosa, Profª Aurora Gomes Fragoso, Profª Nazira de Souza e da eterna profª Tereza Ribeiro Xavier, entre outras.

A imponência de sua construção faz jus ao tamanho do orgulho de seus alunos, de ontem e de hoje, por terem estudado nesta casa de educação. Destacamos a turma fundadora, que tem seus nomes gravados nos anais da história de Monteiro, nas pessoas do professor José Rafael de Menezez, Dr. Lavousier Feitosa, Dr. Paulo Cauby Reinaldo Japyassu, Dra. Laura Feitosa, Rita Nunes, Anatália de Souzada Silva, Teresinha Batinga, Zilda Menses,  e outros, sem esquecer o nome do nosso conterrâneo e grande poeta Jansem Filho, que elevou em muitos dos seus versos o nome desta Escola.

      

Confira a entrevista com a professora Dezirê que, com muito orgulho fala dos 83 anos da escola e dos seu 30 anos de dedicação junto ao Miguel Santa Cruz.

Ainda fica o registro feito pela professora “A professora Fátima Martins foi uma grande influenciadora em minha vida, foi a minha grande MESTRE, a ela minha eterna gratidão.”

“Na qualidade de cidadão e ex-aluno desta Casa de Educação, sinto-me no dever e obrigação de prestar a minha homenagem, e destacar meu orgulho em ter feito parte desta escola.” Edvaldo Reis

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: