DESTAQUESNotícias

UJS Sumé denuncia ao Procon que empresa de ônibus descumprem lei federal

O diretor da União da Juventude Socialista (UJS) da cidade de Sumé, Igor Sousa, procurou durante esta semana o Procon de Sumé para denunciar que duas das três empresas de ônibus interestadual que prestam serviços na cidade estão descumprindo a Lei Federal de 2013 que trata sobre o Programa Identidade Jovem, do governo federal.

Igor esteve no programa Cariri em Ação deste sábado, dia 30, na 95 FM, reclamando que os jovens que têm a carteirinha do ID Jovem não estão conseguindo passagens gratuitas nas empresas TransBraz e Itapemirim, apenas na Guanabara.

Ele explicou que conforme a lei, que existe desde 2013, os estudantes com o ID jovem têm direito a quatro passagens: duas totalmente gratuitas e outras duas com desconto de 50%, isso em cada ônibus, caso já tenha sido preenchida as vagas, as empresas são obrigadas a dar desconto de 50%.

Segundo o presidente da UJS de Sumé, os jovens não estão conseguindo passagens gratuitas para outros estados na empresa da Itapemirim e na Transbraz.

O presidente disse que procurou o Procon para que a lei seja cumprida na sua integralidade e que recebeu a informações do diretor do Procon, Cristovan Júnior, que nesta próxima semana o órgão vai fiscalizar a aplicabilidade da lei.

“Me sinto pequeno diante da lei, porque a lei deve ser cumprida de acordo com os benefícios, mas eles não estão atendendo de acordo com o que nós precisamos”, comentou.

CARIRI EM AÇÃO

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: